5 de agosto de 2016

Como reconhecer se seu filho tem hiperatividade?

A hiperatividade em crianças hoje é muito comum, e comumente é mal diagnosticada. Parte disso é devido a disseminação em massa das informações referentes a doença que acabam fazendo as mães de plantão ficarem hiper preocupadas.


É claro que outra parte do diagnostico feito de maneira equivocada não é só parte das mães como também faz parte de uma boa parcela de profissionais despreparados. Por isso, é de devida importância que mesmo que você saiba os sintomas você leve seu filho em um profissional que transmita segurança ( e que de preferencia já tenha nome no mercado ).
Continue lendo para saber como reconhecer se seu filho tem hiperatividade.



Meninas, logo abaixo nós vamos ver uma lista de sintomas que podem indicar a hiperatividade:
  • Seu filho não consegue ficar parado ou sentado durante muito tempo
  • Seu filho aparenta não prestar atenção no que é dito 
  • Seu filho fala de forma muito acelerada e frequentemente interrompe conversas e/ou não para de falar
  • Seu filho se distrai facilmente
  • Seu filho tem dificuldades de seguir uma instrução, mesmo que ele tenha entendido e escutado com calma
  • Seu filho comumente brinca de maneira mais “perigosa” e não costuma pensar nas consequências de seus atos
  • Seu filho frequentemente pula de “tarefas” sem completar nenhuma
  • Seu filho tem muita dificuldade de prestar atenção e se concentrar ( isso pode ocorrer em casa ou na escola – frequentemente crianças que tem hiperatividade não conseguem se concentrar em lugar nenhum )
  • Seu filho tem dificuldades de brincar com apenas um brinquedo
  • Seu filho não consegue esperar por coisas bem simples como uma fila ou até mesmo esperar a hora de falar alguma coisa 
  • Seu filho tem muita facilidade para perder objetos
  • Se você mamãe de plantão acha que seu filho tem vários desses sintomas listados, não se desespere. 

Como você pode ter observado a hiperatividade tem muitos sintomas parecidos com o comportamento de uma criança bem levada.
O ideal é que você leve seu filho em um psicólogo ou pediatra comportamental. Toda a avaliação como dita anteriormente deve ser feita por um profissional competente e que tem experiência em lidar com crianças ( existe psicólogos “especializados” em atender crianças, por exemplo ).
Existem outros “testes” na internet que podem ser feitos, mas com toda certeza eles não são 100% precisos e ainda por cima são muito vagos. O que ressalta ainda mais a necessidade levar o seu filho no psicólogo.
Tenho um filho com hiperatividade, e agora?
Caso seu caso for de um filho com hiperatividade, não há por que se desesperar ou se preocupar demasiadamente.
Hoje existem várias maneiras de tratar a hiperatividade ( inclusive existem algumas alternativas saudáveis para o seu filho ) e tudo que você precisa fazer é se atentar ao tratamento.
Em alguns casos, são prescritos medicamentos para o seu filho conseguir ter um alivio ou controle dos sintomas.
Alguns pais hoje em dia, preferem usar estratégias 100% naturais para “tratar” o seu filho. Como dito anteriormente, hábitos saudáveis ainda são a primeira opção e hoje em dia ainda existe um grande numero de casos de crianças diagnosticadas de maneira equivocada, o que pode trazer riscos a saúde do seu tão amado filho.


*Este post é colaboração de



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu e Heitor adoramos saber a sua opinião!
Responderei as perguntas por email!

Forte abraço de mamãe ursa!