30 de junho de 2014

Como lidar com as birras?


Mantenha a calma: Essa é a parte mais difícil, porém a mais importante! 


As crianças sempre irão nos testar e eles sabem o nosso ponto fraco, por isso ficamos irritados com facilidade, isso acontece porque eles nos observam o dia inteiro. Então num momento de birra, devemos falar mais baixo que as crianças, e quanto mais a criança gritar mais baixo falar, geralmente ela irá perceber e irá se acalmar, porém se você estiver nervoso isso irá passar para criança deixando ela mais agitada.

Avise sempre o que irá acontecer:
 Geralmente, quando temos que dar banho na criança pegamos ela e dizemos vamos tomar banho e se a criança estiver brincando começa aquele choro. Para evitar isso sempre avise antes para a  criança, por exemplo, filho daqui 5 minutos você irá tomar banho (é claro que nessa idade eles não tem noção de tempo, mas ele saberá que daqui a pouco terá que ir tomar banho). Tenha certeza que quando eles sabem o que irá acontecer evita-se vários stress desnecessário.

Mude o foco:
 Quando a criança estiver fazendo algo que não deve, mude o foco dela, sempre diga a criança o que ela pode fazer, e não o que ela não pode, assim ela saberá como agir.

Exemplo: Heitor está jogando a bola na TV. Geralmente o que fazia era dizer para ele que ele NÃO podia jogar a bola na TV, o que acontecia ele continuava a jogar a bola. O que eu faço, digo a ele o que ele deve fazer, mudo o foco, digo HEITOR JOGUE A BOLA NA PAREDE, OU JOGUE A BOLA NO CHÃO. E dá certo! 


Coloque no lugar dele: 

Quando começar uma crise de choro, por algo que ele não pode fazer, diga a ele: filho eu sei que você está nervoso, porém só iremos conversar quando você estiver mais calmo, e deixe a criança chorar até ela se acalmar! Lembre-se de verificar se ela não está em um lugar perigoso, o melhor e colocar ela na cama ou qualquer outro lugar seguro, porque geralmente as crianças se jogam no chão e pode bater a cabeça, segurança em primeiro lugar.


Seja consistente: 

Quando dizer NÃO mantenha até o final, mesmo que depois de alguma insistência você mudou de ideia no meio do caminho, continue firme ate o final.

De duas opões aceitáveis:
 Sempre dê duas escolhas para criança, assim ela irá pensar que ela está decidindo algo, com o "poder". 

Exemplo: Dê duas opções de escolha de roupa, ela irá ter que decidir entre a amarela e azul, se ela quiser outra, você irá dizer filho você tem que escolher entre a azul ou amarela.

Bom mamães, essas dicas aprendi assistindo o vídeo da Flavia Calina, e derão super certo aqui em casa e resolvi dividir com vocês! 

Claro que educar é um trabalho diário e que precisa de muita dedicação, carinho e amor.

Espero que tenha gostado e me digam quais as que estão dando certo ai na casa de vocês!! 


Um forte abraço,

5 comentários:

  1. Sempre digo: Educar dá trabalho! É preciso dedicação e esforço, para educarmos nossos filhos. Quem tem preguiça não consegue.

    Adorei o post.

    http://carolinatavarescarrilho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Nossa amiga, adorei as dicas. Ia falar sobre isso no blog, tem dia que fico doidinha, Eles conseguem chegar no nosso limite da paciência.
    Vou colocar em prática, e se Deus quiser vai dar certo. :)
    Bjs
    Vivi e Isaac

    ResponderExcluir
  3. Complicado né? Aqui as birras estão sob controle, mas volta e meia eles testam pra ver se as regras ainda valem!

    ResponderExcluir
  4. Excelentes dicas!!!! As birras sempre vão aparecer é bom sabermos como nos comportar!!!
    beijinhos

    www.aprendendoasermaheoje.com

    ResponderExcluir
  5. Gostei das dicas sempre fiz isso, por isso meu filho nunca fez birra por nada agora ...teimosia a isso ele tem de sobra, passamos o terrible two intactos e vem essa fase de agora #aos 6... eu sei fazer ( e não sabe)...é a vida né rsrsrs
    Bjs

    ResponderExcluir

Eu e Heitor adoramos saber a sua opinião!
Responderei as perguntas por email!

Forte abraço de mamãe ursa!